Na Cabeceira: As Crônicas de Gelo e Fogo - Guerra dos Tronos

30 junho 2012

Em uma terra onde o verão pode durar décadas e o inverno toda uma vida, os problemas estão apenas começando. O frio está de volta e, nas florestas ao norte de Winterfell, forças sobrenaturais se espalham por trás da muralha que protege a região. No centro do conflito, uma família tão áspera quanto as terras que lhe pertencem. Dos lugares onde o frio é brutal, até os distantes reinos de plenitude e sol, George R. R. Martin narra uma história de lordes e damas, soldados e mercenários, assassinos e bastardos, que se juntam em um tempo de presságios malignos. Entre disputas por reinos, tragédias e traições, vitória e terror, o destino dos Stark, seus aliados e seus inimigos é incerto. Mas cada um está se esforçando para ganhar este conflito mortal: a guerra dos tronos.
É incrível como a maioria dos livros da minha lista de favoritos são aqueles em que eu enrolei até onde pude pra começar a ler, foi assim com Jogos Vorazes, e está sendo assim com a série As Crônicas de Gelo e Fogo. No caso de Jogos Vorazes o meu "medo" foi causado pelas comparações - sem pé nem cabeça - da história de Suzanne Collins com Harry Potter, já no caso das Crônicas de Gelo e Fogo meu receio foi causado pela absurdamente perfeita primeira temporada de Game of Thrones. Semana passada, porém, eu deixei o meu receio de lado e resolvi me aventurar nas páginas de um dos livros mais vendidos do mundo e, sinceramente, foi uma das melhores coisas que eu já fiz na vida! 

Para os fãs da série, o livro nada mais é do que a versão escrita da primeira temporada, afinal, pouca coisa muda de um para o outro. E, se antes eu temia me decepcionar com o livro, assim como aconteceu com a série de livros de Pretty Little Liars, Gossip Girl e The Vampire Diaries, hoje eu simplesmente estou surtando por não ter nas minhas mãos o segundo livro, A Fúria dos Reis.


A Guerra dos Tronos é narrado sob a perspectiva de oito personagens são eles: Bran, Daenerys, Eddard, Jon, Catelyn , Arya, Tyrion e Sansa. É o famoso método "entrando na cabeça dos personagens", só que, nesse caso, sem se prender a uma única versão dos fatos; o que nos mostra o lado mais humano e "pecador" de cada personagem. O que acabou me fazendo amar ainda mais aqueles que eu já considerava meus personagens preferidos - como o lindo do Jon - e odiar ainda mais aqueles que eu não gostava - como a Tonta da Sansa.

A primeira vista, todos os livros da série podem assustar um pouco, graças ao grande número de páginas, mas a história é tão rica e bem contada que, quando você menos imaginar, o livro acaba. O autor, George R. R. Martin, é extremamente detalhista, mas de uma forma boa, que te faz literalmente entrar na história, sem deixar o livro chato e entediante. Destaque total para o Anão Tyrion que é ainda mais engraçado e f*dão nos livros e para os capítulos narrados pela Eddard "Ned" Stark, que esclarecem muitas coisas que, pelo menos eu, tinha dúvidas sobre a primeira temporada.

A Guerra dos Tronos é aquele típico épico que, sem duvida nenhuma, será comentado e lido por muitos e muitos anos, assim como O Senhor do Anéis.   
Informação importante: Todos os exemplares do recém lançado quinto livro da série, A Dança dos Dragões, não trazem o capítulo 26, "O soprado pelo vento", por uma falha no processo de edição. Os livros já estão sendo recolhidos das livrarias e os adquiridos por leitores vão ser trocado. A partir do dia 1 de Agosto a editora Leya dará inicio a redistribuição e troca dos livros.  Se você já comprou o seu exemplar, leia este post do Game of Thrones Br e entre em contato com a editora. 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...